Comitê Popular dos Atingidos pela Copa 2014

Belo Horizonte | MG | Brasil

Falta Vergonha na cara! Quando falamos em destinação de prédios abandonados para moradias populares a prefeitura não se esforça para a concretização do projeto

Um prédio abandonado no centro vai virar hotel de luxo
Metade dos apartamentos será vendida para investidores

A carcaça do que seria um hotel na década de 1990, na região central de Belo Horizonte, começa a se transformar neste mês num hotel de luxo. O Golden Tulip ficará pronto no primeiro trimestre de 2013 com investimento de R$ 200 milhões. A Brazil Hospitality Group (BHG) – que será a operadora do hotel – fez parceria com as incorporadoras RFM, Pacific Realty, grupo Multipar e a construtora mineira M.Roscoe para transformar o prédio semiconstruído num empreendimento hoteleiro de luxo.

O hotel que terá a torre toda de vidro, fica na Avenida do Contorno, dentro do projeto de revitalização do Boulevard da capital. Terá 405 unidades, sendo que 200 delas estarão à venda a qualquer investidor, a partir do próximo dia 16, por R$ 460 mil. Cada unidade tem 40 metros quadrados. A outra metade ficará com os investidores do hotel. Um dos diferenciais será que o empreendimento hoteleiro vai abrigar duas bandeiras no mesmo hotel – o Golden Tulip, de quatro estrelas, e o Royal Tulip, de cinco estrelas – esse último ocupará cinco andares do empreendimento.

As diárias dos apartamentos de luxo, com 40 metros quadrados, custarão entre R$ 300 e R$ 350. O hotel terá ainda quatro suítes presidenciais e uma suíte real que terá diária de mais de R$ 7.000. “Belo Horizonte é a segunda cidade do Brasil em turismo de negócio. Só perde para São Paulo”, justificou o presidente do grupo Multipar, Henrique Moura Vorcaro, apontando o motivo para que o empreendimento tenha sucesso. “Estamos chegando a Belo Horizonte e o Golden Tulip é o nosso cartão de visitas”, disse o presidente da RFM Incorporadora, de São Paulo, Márcio Botana Moraes. O grupo conta ainda com investidores internacionais. “São europeus e americanos”, informou Moraes que acredita numa taxa de ocupação semelhante ao que já acontece na capital, de 73%.

Ontem, o projeto do Golden Tulip foi apresentado ao prefeito Marcio Lacerda, por alguns representantes do grupo de empreendedores. “Existia um receio dos empreendedores de que o bairro estivesse muito deteriorado. Mas lá não temos favela”, disse Henrique Vorcaro, durante a apresentação do hotel.

O prefeito disse que o Golden Tulip é um marco no esforço que a prefeitura vem fazendo, com o apoio do governo do Estado, para ampliar e modernizar a rede hoteleira da cidade. “É um empreendimento planejado que não deu certo no passado e a prefeitura fez eliminar todas as dificuldades para a aprovação e o projeto se adaptar às novas normas urbanísticas da prefeitura”, disse Lacerda.

Esse povo deve mesmo acreditar nessa proposta de cidade:http://www.otempo.com.br/otempo/noticias/?IdNoticia=187717%2COTE&IdCanal=5

Anúncios

Uma resposta para “Falta Vergonha na cara! Quando falamos em destinação de prédios abandonados para moradias populares a prefeitura não se esforça para a concretização do projeto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: